quarta-feira, 11 de março de 2009

Delicadeza...

A delicadeza está no Sol preguiçoso das manhãs de primavera, no vestido leve das tardes de verão, na brisa suave do anoitecer de outono e no aconchego macio do outro nas noites frias de inverno.

Delicadeza tem a ver com suavidade, com sorrir com os olhos, tem a ver com cantarolar para o seu amor dormir e com aquele bom dia sussurrado enquanto o Sol bate no pé da cama.

A delicadeza mora numa casinha de madeira, no meio do mato, donde podem se ouvir pássaros, ver flores e falar com Deus. Mas quando, no meio da loucura da cidade, você vê um girassol na janela daquele prédio cinza, saiba que a delicadeza também mora ali.

A delicadeza está em caprichar na caixa do presente, em entrar na ponta do pé só para surpreedê-lo com um beijo doce e em dividir o último pedaço de bolo.

Quando é dia de lençol novo na cama, quando o pijama é de algodão e quando a pantufa é engraçada... Também tem delicadeza.

Quando aquela menina bonita solta o cabelo sob o Sol, quando chove no meio daquele passeio a dois pelo parque e você não tem hora para voltar...

Quando o 'eu te amo' nem precisa ser dito, quando os olhos brilham de tanta alegria, quando fazer amor parece te levar para um passeio no paraíso...

Acho que delicadeza é a palavra mais bonita do dicionário.

Nenhum comentário: