segunda-feira, 16 de fevereiro de 2009

At Last...

Cheirava, um a um, os livros que iria comprar, era assim que esperava na fila da livraria. Sorria com o aroma indescritível das páginas cor de creme, que pareciam mais suaves do que as brancas. Há quem julgue um livro pela capa, ela julgava pelo cheiro. Comprou um volume de Jazz com as páginas amareladas e subiu a rua cantarolando Etta James...

Um comentário:

Nuta disse...

Eu tb adoro cheirar livros! hahhaha até os antigos... mas cheirinho de livro novo... é muito bom!!